sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Ex-prefeito de Macau é preso durante operação do MPRN

d24f411abc2bc288c418e30f8160a10a
Do G1-RN – O ex-prefeito de Macau Flávio Veras foi preso na manhã desta sexta-feira (4) durante desdobramento da operação ‘Maresia’, que investiga crimes contra o patrimônio público da cidade, que fica localizada a 175 quilômetros de Natal. Além de Flávio Veras, outros quatro mandados de prisão foram cumpridos. Foram detidos José Alves, ex-secretário do Município; Miguel de França, advogado; Ailson Salustino, atual chefe de gabinete e Joad Fonseca da Silva, que é vereador.

Flávio Veras havia sido preso em 23 de março deste ano com base nas investigações da operação ‘Máscara Negra’, que investigou o desvio de recursos públicos em contratações fraudulentas de artistas durante o carnaval de 2011. Entretanto, ele foi solto em 5 de maio por decisão da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. A decisão, que não se deu por unanimidade, concedeu o pedido para que Flávio Veras respondesse ao processo em liberdade.

Operação Maresia
A operação do Ministério Público Estadual foi deflagrada no dia 13 de novembro e investiga crimes contra o patrimônio público em Macau e contratos referentes à prestação do serviço de limpeza urbana e às obras públicas de construção civil. O MP apontou um desvio de R$ 2,5 milhões dos cofres municipais.

O atual prefeito da cidade, Kerginaldo Pinto, foi preso durante a operação no dia 27 de novembro. Ele foi denunciado pela prática dos crimes de peculato – desvio de recursos públicos -, falsidade ideológica, falsidade de documento público, uso de documento falso, falso testemunho e coação de testemunha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário