quarta-feira, 2 de março de 2016

Matéria aprovada ainda em comissão diz que governo não pode fechar escolas sem ouvir Conselho de Educação


Vice-presidente da Comissão de Educação do Senado, a senadora Fátima Bezerra (PT) comentou a aprovação, pela Comissão, do Projeto de Lei que proíbe o fechamento ou a reestruturação de escolas públicas sem autorização do Conselho de Educação.
“Nos últimos meses, em vez de diálogo os governos tucanos têm colocado a polícia por cima dos estudantes e dos professores. A decisão do fechamento ou mudança das escolas públicas deve passar pela análise de quem realmente está no processo, que são os professores, os estudantes e as famílias. Não pode ser apenas uma decisão de governador, presidente e secretário”, disse Fátima, criticando atos do governador de São Paulo.
“Infelizmente nós vimos o estado de São Paulo tentar fechar escolas prejudicando mais de 250 mil estudantes. Ao final, ficou claro que o governo pecou exatamente por não ouvir a comunidade e, mesmo diante de toda mobilização dos professores e estudantes, continuou adotando medidas que vem trazendo prejuízos para a população. Agora recentemente o governo de Goiás quer privatizar a educação pública, transformando as escolas em organizações sociais, numa completa falta de sintonia com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação e com a própria Constituição”, afirmou a senadora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário