terça-feira, 18 de abril de 2017

‘Não estou preocupado com o que Cunha venha a fazer’, diz Temer.

C9si3c_XYAAXgDL (1)
O presidente Michel Temer (PMDB) disse não estar preocupado com a possibilidade de o deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB) fazer um acordo de delação premiada. “Mais uma vez no plano da subjetividade, não estou preocupado com o que ele vai fazer. Espero que ele seja feliz. Foi um deputado atuante, eficiente, mas não sei o que ele vai fazer. Não tenho que me incomodar com isso”, disse Temer em entrevista concedida nesta segunda-feira, 17, ao jornalista Kennedy Alencar, do SBT Brasil.

Temer considerou ainda improvável a possibilidade de o Supremo Tribunal Federal (STF) anular a destituição da ex-presidente Dilma Rousseff em razão da versão, defendida pelos advogados da petista, de que Cunha, então presidente da Câmara, agiu por vingança ao abrir o processo de impeachment na Casa.

“Evidentemente, penso que isso não anula o impeachment”, disse o peemedebista.

Ele acrescentou que, mesmo que a abertura do processo tenha sido uma vingança de Cunha, não foi esse o motivo que levou a Câmara e o Senado a destituir Dilma por votação “avassaladora”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário