quinta-feira, 26 de março de 2015

PL nascerá forte no Estado e poderá desfalcar a bancada do PMDB na Assembléia

O novo Partido Liberal no Rio Grande do Norte poderá nascer como o maior partido com representação na Assembleia Legislativa, desfalcando o PMDB, partido comandado pelo ex-deputado federal Henrique Alves.

A nova legenda deve nascer forte, com um quarto dos deputados da Casae deverá ter seis deputados estaduais desta nova legislatura que já negociam acesso ao novo partido.
O deputado estadual Gustavo Carvalho, atualmente filiado ao PROS e ligado politicamente ao governador do Estado, Robinson Faria (PSD), é quem comandará a legenda.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB) também teria como novo domicílio eleitoral o PL. Ezequiel possivelmente não seria a única baixa do PMDB. O deputado estadual Hermano Morais (PMDB) também estudaria a possibilidade de deixar a legenda para se filiar ao PL.

O PSB da ex-governadora Wilma de Faria também perderia uma cadeira na Assembleia. O deputado estadual Tomba Farias (PSB) deixaria a legenda para se integrar ao PL. O DEM, do senador José Agripino, também perderia representatividade. O deputado estadual José Adécio também está de malas prontas para deixar a legenda e ingressar na legenda refundada. O deputado estadual Carlos Augusto Maia, hoje no PC do B, seria o quinto integrante do grupo.

Com informações do Jornal de Hoje

Nenhum comentário:

Postar um comentário